Tecnologia da Informação

Mobilidade corporativa: afinal, o que isso significa?

Escrito por SONDA

A disseminação dos smartphones, a popularização da banda larga e o abandono do ambiente local de computação em nome da flexibilidade do Cloud Computing deram à mobilidade corporativa contornos estratégicos nas organizações. De fato, acessar informações de qualquer lugar passou a ser crucial em uma era em que alguns minutos são o liminar entre conquistar ou perder um grande negócio.

Com a mobilidade empresarial, vendedores trocam seus catálogos por tablets, por meio do qual é possível visualizar produtos, expedir ordens de compra e até visualizar indicadores de desempenho, em tempo real; colaboradores são estimulados a mergulhar no BYOD (Bring Your Own Device) e no trabalho remoto, que possibilitam redução de custos empresariais e aumento de produtividade; a gestão de equipes externas, que antes era caótica, agora é feita na tela dos gadgets dos gestores, que acompanham de perto cada passo de seu time.

O que é mobilidade corporativa?

Segundo pesquisa do Gartner, até 2018, 50% dos consumidores vão usar tablets ou smartphones para todas as atividades on-line. Se os consumidores estão cada vez mais “on-line”, é preciso que as empresas também estejam.

A priori, mobilidade trata do desenvolvimento de aplicações e recursos em nuvem, que possibilitem às empresas saírem da limitação dos desktops oferecendo, aos funcionários e à própria organização, a chance de trabalhar seus dados empresariais bem distante dos PCs, em diversas funções e com infinitas combinações de tecnologias de acesso remoto.

A partir disso, as possibilidades de revolução em sua empresa são diversas. Vamos ver mais sobre isso adiante.

Melhora na comunicação

Um relatório feito em 2016 pelo IDC indicou que o mercado latino-americano de Cloud Computing crescerá nos próximos anos a taxas superiores ao resto do mundo. Impulsionadas pelas vantagens da mobilidade corporativa, 80% das empresas da região já utilizam recursos em nuvem e apenas 8% não tem interesse no assunto. Uma das razões do sucesso é a correção dos gaps de comunicação que a mobilidade pode prover.

Ter dados disponíveis 24 horas a todos os funcionários autorizados, a partir de qualquer dispositivo móvel, permite que a empresa trabalhe ativamente fora dos limites do escritório. Permite também que haja uma homogeneização das informações compartilhadas na empresa.

Antigamente, era muito comum que o departamento contábil aprovasse uma compra que havia sido cancelada pelo vendedor; que uma venda fosse feita, por equívoco, a compradores em restrição nos órgãos de proteção ao crédito, pela simples falta de informação no momento da venda. Essas situações são eliminadas com a mobilidade empresarial.

Otimização do tempo

Um levantamento feito pela Confederação Nacional da Indústria revelou que 70% dos brasileiros desejam ter horários mais flexíveis e 73% gostariam de trabalhar em casa ou em locais alternativos, basicamente, pela otimização do tempo.

Continuar enxergando o escritório como o quartel-general das operações de uma organização é aceitar estagnar-se no mercado, enquanto seus concorrentes aprimoram seus processos com base na otimização do tempo, redução de custos, amento de produtividade e melhora na qualidade de vida dos funcionários. Mobilidade é um caminho sem volta no mundo dos negócios.

Redução de custos

TI é custo ou investimento? Depende de onde se alocam os recursos. A virtualização de hardware e ativos de rede, bem como o armazenamento de dados empresariais em serviços de Cloud Computing (com todos os recursos de segurança da informação que os melhores provedores de serviços em nuvem oferecem), asseguram economia de custo anual bastante relevante aos demonstrativos de resultados das empresas.

Os custos da manutenção de um escritório envolvem pagamento de contas de energia, gastos com cartuchos, além da compra de toneladas de papel anualmente. Isso sem falar na compra e manutenção de computadores, pagamento de horas-extras, etc. Um colaborador que esteja apto a desempenhar suas funções a partir de um tablet, representa desoneração em potencial de todos esses custos.

Mas é importante que os CEOs tenham visão ampla e percebam que os pontos de redução de custos da mobilidade corporativa vão muito além de ter sistemas acessíveis por gadgets. Dados em nuvem são o pontapé inicial para implementar uma série de tecnologias revolucionárias em seus processos de trabalho, que podem engolir a concorrência e mudar a história de sua empresa no mercado. Os próximos 2 tópicos vão aprofundar um pouco mais a questão.

Aumento da produtividade

A tecnologia móvel oferece um oceano de possibilidades de inovações nas empresas, sempre com foco no aumento da produtividade dos colaboradores. Quer alguns exemplos “futuristas”, que mostram que o uso da mobilidade para ganho de vantagem competitiva não tem limites?

Uma das tendências em mobilidade tecnológica apontada pelo Gartner para os próximos anos é a incorporação de dispositivos vestíveis para acelerar processos empresariais, como a utilização de óculos 3D para procurar e selecionar materiais no Estoque! Parece roteiro de filme de ficção científica? Pois saiba que essa tecnologia já começa a ser usada por diversas multinacionais.

Imagine agora o tamanho da dificuldade de um concorrente (que sequer adota sistemas em nuvem) em se manter de portas abertas, tendo que competir com essas organizações de vanguarda, que já estão no “século XXV da mobilidade corporativa”? Parafraseando Peter Drucker,

“A melhor maneira de prever o futuro é inventá-lo.”

Outra forma interessante de fazer da mobilidade uma alavanca no aumento de produtividade nas empresas é conjugá-la com outras tecnologias, como Internet das Coisas (IoT), especialmente no que se refere aos sensores de localização. Na indústria, por exemplo, a microlocalização e capaz de informar com precisão a uma chave de torque qual parafuso está preso a uma máquina. Essa inteligência operacional torna possível programar ajustes, eliminando erros humanos.

A base de toda essa tempestade tecnológica é a mobilidade, notadamente a alocação de dados em nuvem. Veja que mobilidade corporativa ultrapassa os limites do simples home office. Trata-se de um novo paradigma na forma de organizar processos, administrar pessoas e criar produtos/serviços. Algo sem precedentes na história humana.

Qualidade nos resultados apresentados durante as tarefas rotineiras

O tópico acima já indica muitas das inovações que têm na mobilidade corporativa sua semente mais fértil. Mas as possibilidades de gerar mais qualidade nas tarefas rotineiras da organização não param por aqui.

Gerenciar equipes externas a distância; gerenciar sua equipe interna a qualquer momento do dia, ainda que você ou seus diretores estejam fora da empresa; estimular seus colaboradores a adotarem o trabalho remoto (em troca do aumento da produtividade); ou, indo mais longe, implementar tecnologias como os chamados “assistentes pessoais virtuais”.

Para quem não sabe do que se trata, os assistentes pessoais virtuais (VPAs empresariais) são capazes de automatizar ou simplificar diversas tarefas do dia a dia da empresa. Um exemplo seria agilizar atividades contábeis, substituindo o preenchimento de formulários fiscais/financeiros — para processar uma fatura — por um simples comando de voz a um EVA dizendo “pague”.

Que a mobilidade corporativa traz redução de custos, isso a maioria dos CIOs e CEOs já sabem há tempos. Uma pesquisa realizada em 2014 pela IDG Connect, com 450 executivos de 13 países, mostrou que 87% dos entrevistados citaram aumento de produtividade e melhora na qualidade dos processos como benefício direto da mobilidade empresarial. Nossos exemplos mostram o porquê.

Bom, finalizamos por hoje. Mas já que o assunto é mobilidade corporativa, que tal saber mais sobre Internet das Coisas e sua integração de soluções para atendimento de ponta a ponta?

 

Sobre o autor

SONDA

A SONDA, maior companhia latino-americana de soluções e serviços de tecnologia, atua em 10 países com mais de 22 mil colaboradores e 5 mil clientes ativos. Em parceria com seus clientes, a SONDA acredita que com o uso de soluções tecnológicas é possível transformar seus negócios, permitindo conquistar eficiência e vantagem competitiva. Entendemos do seu negócio e sabemos fazer acontecer, contando com uma equipe altamente capacitada. Para mais informações, acesse www.sonda.com/br.