Gestão de Negócios

Outsourcing de TI: saiba quais são as vantagens de implementar

Escrito por

A tecnologia tornou-se um ativo fundamental de vários negócios. Por meio dela, empresas conseguem definir novas estratégias de mercado, atender com mais qualidade os seus clientes e ter serviços mais inovadores. Mas para que os ativos de TI sejam integrados de forma contínua a rotina de cada setor e possam acrescentar valor agregado para os serviços corporativos, é fundamental ter processos de gestão eficazes e o apoio de um time de especialistas.

Em busca desse objetivo, muitos negócios investem no outsourcing de TI. Esse tipo de serviço, voltado para a terceirização dos processos da governança de TI e manutenção de equipamentos, tem gerando um grande impacto nos locais em que é aplicado.

Quer conhecer os motivos? Então veja a nossa lista abaixo!

1. Redução de custos com pessoal

O outsourcing em TI auxilia a empresa a reduzir drasticamente os seus custos operacionais. A contratação de profissionais da área, como programadores, técnicos e analistas, será feita de forma simplificada. Como consequência, a companhia gastará menos recursos com tais atividades.

Além de não ter que investir diretamente em operações como contratação, rescisão e pagamento de profissionais, a companhia também diminuirá os seus gastos com a sua infraestrutura interna. O time de especialistas que atuará no negócio será capaz de encontrar os pontos que necessitam de otimização de acordo com os padrões mais elevados do mercado. Assim, o negócio poderá direcionar mais recursos para novos investimentos.

2. Aumento da eficiência dos projetos de TI

Projetos de TI são iniciativas complexas, que envolvem um grande número de profissionais e podem falhar facilmente. Para que isso não ocorra, é necessário ter uma rotina de gestão com um bom direcionamento, que adote as melhores práticas do mercado de forma estratégica e de acordo com o perfil do negócio.

Nesse sentido, o investimento no outsourcing pode ser visto como uma maneira de tornar projetos mais eficazes sem precisar investir na contratação direta de um time de TI. A empresa poderá definir uma equipe de acordo com as suas metas, garantindo que todas as atividades serão executadas por especialistas.

Além disso, o tamanho do time poderá ser modificado sempre que for necessário: caso a demanda aumente (ou diminua) a companhia poderá adaptar o número de pessoas que atuam na iniciativa rapidamente.

O resultado final do projeto também é aprimorado. Como todos os que atuarão na iniciativa serão especializados no tipo de atividade executada, o número de erros e falhas operacionais será o menor possível.

3. Melhor direcionamento das atividades do setor

O setor de TI deve adotar um direcionamento estratégico das suas atividades. As rotinas de manutenção, troca de sistemas, atualização de softwares e atendimento aos usuários devem ser feitas por pessoas especializadas, com formação adequada a cada processo.

Nesse sentido, investindo no outsourcing em TI o negócio torna-se capaz de definir políticas de TI de acordo com a demanda e os padrões de funcionamento interno. Terceirizando, a empresa contrata especialistas de acordo com as características do empreendimento.

Se o negócio possui serviços de Big Data ou soluções que fazem uso intensivo das conexões de rede, por exemplo, os profissionais atuarão para garantir o máximo de disponibilidade de tais serviços. Mas se o empreendimento está em busca de serviços de TI mais seguros e confiáveis, ela pode contratar especialistas em segurança digital para definir novas regras de uso dos sistemas ou uma política de controle mais eficaz.

4. Diminuição do número de falhas operacionais

Conforme a infraestrutura de TI foi integrada ao ambiente corporativo, a existência de falhas operacionais na área passou a ter um impacto elevado nos indicadores gerais do negócio. Justamente por isso, gestores devem adotar estratégias para eliminar ou impedir que problemas em sistemas ou equipamentos computacionais sejam frequentes.

Uma delas é o investimento no outsourcing. Optando pela terceirização das rotinas de gestão de TI, a empresa terá uma grande diminuição nos riscos de qualquer atividade que envolva os processos de TI. 

As estratégias de manutenção e otimização de toda a infraestrutura serão definidas de acordo com as metas do empreendimento. Isso permite que os dispositivos e as ferramentas de software sejam moldados para atender as equipes internas, agregando valor aos serviços do empreendimento.

E por serem executadas por especialistas, as rotinas de gestão terão um nível de qualidade maior. Gargalos operacionais, conflitos e outros fatores técnicos que atrapalham no atendimento ao usuário serão menos frequentes.

Em outras palavras, a companhia contará com um time de TI capaz de elevar ao máximo a performance da infraestrutura existente. Todos os serviços e estratégias estarão adaptados para as demandas internas e de acordo com os padrões do mercado.

5. Maior capacidade de efetuar investimentos com alto retorno financeiro

O investimento em tecnologia sempre esteve ligado ao aumento dos índices de lucratividade, performance e qualidade operacional de empresas. Mas para que ele tenha o resultado esperado, a empresa deve adotar estratégias para avaliar quais sãos as melhores opções de acordo com o seu perfil, eliminando alternativas que, apesar de atraentes, não são capazes de atender às necessidades internas.

Quando o negócio possui o apoio de um time de especialistas contratados por meio do outsourcing o retorno financeiro obtido com os investimentos será ampliado continuamente. A busca por novas aplicações ou equipamentos para o negócio é feita por meio de uma série de processos analíticos, que identificam como a solução consegue adaptar-se ao ambiente interno, gerando processos de maior valor agregado e dando mais competitividade para o empreendimento.

Hoje, o investimento no outsourcing em TI é visto por especialistas como uma estratégia para manter negócios mais eficazes. Direcionando as tarefas de manutenção para profissionais especializados, o negócio consegue maximizar a performance dos seus serviços e atender a um número maior de demandas de clientes.

E com uma rotina de investimentos mais eficiente, a empresa pode adotar metas mais ousadas com a certeza de que os seus objetivos serão alcançados facilmente.

E ai, gostou do nosso post sobre outsourcing de TI e quer receber em primeira mão as postagens do nosso blog? Então assine já a nossa newsletter e fique por dentro das nossas novidades!

Sobre o autor