Gestão de Negócios

Como o setor de TI pode otimizar a experiência do usuário nos sistemas?

Escrito por SONDA

Quando o assunto é otimização de processos dentro e fora das empresas, muitos podem ser os pontos citados nos quais a TI é capaz de contribuir. Já reparou como essa área tem agregado cada vez mais valor às atividades empresariais? Isso sem contar que a Tecnologia da Informação também é capaz de otimizar a experiência do usuário no uso de sistemas, tanto interna quanto externamente. Dada a eficiência proporcionada aos sistemas, o resultado surge em forma de impacto positivo nas operações empresariais como um todo.

Quer fazer seu negócio crescer? Quer melhorar seus processos, dar um norte aos colaboradores e definir o tom e a velocidade da empresa de forma certeira? Então saiba que a TI pode ajudar bastante ao otimizar a experiência do usuário nos sistemas! Acompanhe e descubra neste post quais fatores podem transformar teoria em prática!

1. Ofereça um suporte eficiente

Se pararmos para pensar sobre o que todos os serviços e as empresas de sucesso têm em comum, certamente atendimento e suporte eficientes serão prontamente listados. É fato: os maiores nomes do mercado se preocupam em solucionar as demandas que chegam diariamente a seus setores de suporte da melhor maneira possível. Afinal, tais empresas conhecem a relevância disso para a experiência dos usuários internos e a consequente satisfação do público externo. Por isso é que não hesitam em investir alto no setor.

Sem dúvida, uma experiência otimizada passa por um suporte eficiente. Os usuários de hoje querem usufruir dos sistemas de maneira total e não abrem mão de um bom atendimento quando essa variável não é atingida. Lembre-se de que, no fim das contas, o uso correto e eficiente dos sistemas impacta a agilidade e a qualidade dos serviços, bem como sua produtividade.

Nesse contexto, a TI entra como uma ferramenta indispensável, pois é a encarregada de fornecer a maior parte das soluções capazes de otimizar o setor de suporte ao usuário de uma empresa. Como exemplo, podemos citar os softwares CRM e os sistemas de comunicação com clientes internos e externos, que podem encurtar o caminho percorrido pelas demandas até se chegar a uma resolução.

2. Invista na qualidade do atendimento

Como mencionamos brevemente no tópico anterior, o atendimento ao cliente também é um fator determinante na hora de otimizar a experiência do usuário. Um atendimento de qualidade é não apenas um instrumento de fidelização, mas serve como recurso de fortalecimento da imagem da empresa em razão da grande satisfação que é capaz de gerar.

O detalhe é que o conceito de atendimento de qualidade ainda está muito enraizado à figura do atendente como protagonista. Com isso em mente, torna-se importante mencionar que vivemos em um período de extrema mobilidade, conectividade e interação, momento esse em que conceitos e soluções tecnológicas são realidades cada vez mais comuns. Nesse contexto, percebe-se o grande potencial da TI em otimizar o atendimento ao usuário.

Essa revolução se dá por meio de novas metodologias, fazendo com que a figura do atendente se torne secundária. Como exemplo, podemos citar os chatbots em plataformas conversacionais de atendimento, que tornam todo o processo muito mais ágil, interativo e eficiente, beneficiando o usuário.

De fato, os setores de TI das empresas têm se esforçado bastante para garantir que o atendimento ao usuário seja uma experiência positiva. O tempo de espera, por exemplo, é uma preocupação constante, uma vez que a demora no atendimento passa uma imagem negativa, de descuido, o que prejudica diretamente a experiência do usuário.

3. Reduza o tempo de SLA

De modo geral, o Service Level Agreement é um dos pontos mais importantes para uma boa prestação de serviços de TI. É por meio desse documento que a empresa consegue ter controle sobre todas as atividades desenvolvidas pelo setor e seus respectivos prazos, acompanhando de perto o próprio desempenho, a resolução de problemas, as medidas emergenciais tomadas e assim por diante. Desse modo, a equipe de TI garante o cumprimento das obrigações impostas no SLA, a fim de sempre prestar seus serviços em acordo com o que foi solicitado.

Essa medida afeta positivamente a experiência de usuários dos sistemas, oferecendo a eles um suporte mais ágil, que responde e atende às chamadas com mais precisão. Mais que isso, aliás, serve como potencializador das estratégias de negócio da empresa.

4. Foque na usabilidade dos sistemas

Ao falarmos em usabilidade, estamos nos referindo à capacidade que determinado software, produto ou solução tem de funcionar de maneira adequada, atendendo às necessidades para as quais foi criado. Logo, se o ponto-chave da usabilidade é a eficiência do produto, já podemos perceber o quão importante ela pode ser para uma boa experiência do usuário. Na realidade, são complementares.

Desse modo, o setor de TI não só pode como deve sempre se preocupar com as métricas que envolvem a usabilidade dos sistemas. Afinal, a partir daí é que será possível reforçar o nível de eficiência dos produtos criados e atender com mais precisão às demandas internas e externas sobre os sistemas da empresa.

5. Prefira interfaces mais humanizadas

Ao desenvolver sistemas, o setor de TI deve ter em mente quem exatamente serão seus usuários, já que os casos de desenvolvimento de sistemas altamente complexos e de difícil navegação não são nada raros. Mas atenção: isso é um erro.

A equipe de TI deve entender que nem todos os que usarão os sistemas têm o mesmo nível técnico dos desenvolvedores, tampouco estão familiarizados com o universo da Tecnologia da Informação. Por isso, para proporcionar uma experiência completa e atrativa aos usuários, os sistemas devem possuir interfaces mais humanizadas e de fácil navegação. Não se esqueça: a facilidade na operação dos sistemas reforça a usabilidade e beneficia o conforto e a produtividade.

6. Promova a integração com outras plataformas

Atualmente, é cada vez maior a demanda por integração e conectividade. Isso acontece porque os usuários de serviços e produtos tecnológicos valorizam muito a flexibilidade no uso de sistemas, buscando constantemente por maneiras de tornar o processo mais simples e amplo. Sabendo disso, o setor de TI pode focar seus esforços no desenvolvimento de soluções integradas, com diferentes plataformas sendo utilizadas de forma complementar à principal.

Em sistemas para computadores, por exemplo, pode ser possível usar funções extras por meio de dispositivos móveis, tornando os sistemas mais intuitivos e permitindo que o usuário desempenhe funções em diferentes ambientes. Assim, o tempo e a produtividade são otimizados.

Resumindo: a TI é uma grande arma das empresas quando o assunto é otimização de processos, sendo a otimização da experiência do usuário um grande exemplo disso. Pronto então para, por meio dos pontos listados neste post, tornar os sistemas do seu negócio ainda mais eficientes e produtivos?

Finalmente, se quer se manter informado sobre as nossas novidades, siga nossos perfis nas redes sociais! Estamos presentes no Facebook, LinkedIn, Google+ e Twitter!

 

Sobre o autor

SONDA

A SONDA, maior companhia latino-americana de soluções e serviços de tecnologia, atua em 10 países com mais de 22 mil colaboradores e 5 mil clientes ativos. Em parceria com seus clientes, a SONDA acredita que com o uso de soluções tecnológicas é possível transformar seus negócios, permitindo conquistar eficiência e vantagem competitiva. Entendemos do seu negócio e sabemos fazer acontecer, contando com uma equipe altamente capacitada. Para mais informações, acesse www.sonda.com/br.

Deixar comentário.

Share This
Navegação