Gestão de Negócios

Terceirização de TI: qual a importância nas empresas?

Escrito por SONDA

Você está pronto para terceirizar a TI da sua empresa? No mundo inteiro, casos de sucesso comprovam que apostar no outsourcing tecnológico é a melhor forma para ganhar fôlego competitivo e estar sempre na ponta do mercado. Mas como essa solução funciona exatamente?

Neste post, vamos discutir um pouco sobre o funcionamento da terceirização de TI e por que ela pode ser tão vantajosa para sua empresa. Acompanhe e tire suas próprias conclusões!

A terceirização de TI como decisão estratégica

A primeira questão que diretores e donos de empresa encaram sobre o assunto é a razão pela qual investir no outsourcing da TI. Esse é um planejamento realmente necessário? Mais para frente, você vai conhecer em detalhes sobre os benefícios práticos que a solução traz para a empresa. Primeiramente, precisamos contextualizar a decisão que você está pensando em tomar.

Como em qualquer setor de um empreendimento, terceirizar significa diminuir a preocupação com processos e rotinas para focar o esforço dos funcionários em planejamento estratégico e visão de negócio.

Lembre-se de que a TI é, hoje, motivadora de inovação e da busca por novas oportunidades de mercado, um meio de se adaptar e abraçar as mudanças. Garantir seu funcionamento da melhor forma, sem qualquer peso operacional que a mantenha engessada, é fundamental para acompanhar a concorrência.

O que você precisa entender nesse momento é que a terceirização não é uma simples decisão econômica ou administrativa. É, na verdade, uma aposta no futuro da empresa. Afinal, é de uma TI robusta e confiável que sairão todas as armas de que você precisa para crescer!

O que pode ser terceirizado

Atualmente, é viável terceirizar toda a parte estrutural e operacional da TI, deixando apenas as decisões estratégicas a cargo do CEO. A parceira tecnológica contratada faz uma avaliação dos pontos críticos, identifica onde o sistema pode ser melhorado e propõe soluções para cada possível otimização do setor. Entenda o que pode ser terceirizado:

  • hardware: a empresa passa a usar servidores terceirizados, seja internamente ou por uma nuvem pública;

  • software: a virtualização de sistemas e licenciamento de softwares é implementado e gerido pela parceira terceirizada, principalmente quando oferecido em um modelo de cloud computing;

  • monitoramento: o acompanhamento da coleta e da análise de dados também pode aliviar sua equipe e aumentar a confiança nas informações usadas para a tomada de decisões estratégicas;

  • manutenção: não se preocupar mais em manter e ajustar o sistema dá um fôlego extra para focar no que realmente interessa para o negócio;

  • suporte: empresas terceirizadas de TI possuem equipes especializadas para resolver crises ou recuperar o sistema de desastres com muito mais velocidade do que seu time seria capaz.

Como dá para ver, não existem muitos limites para o outsourcing da TI. Quais processos serão terceirizados depende da necessidade estratégica de cada empresa e dos ganhos diretos e indiretos que a equipe pode extrair da solução.

Os principais benefícios gerados pela terceirização de TI

No fim das contas, quais são esses ganhos? É hora de ficar por dentro das vantagens que fazem CEOs no mundo inteiro buscarem a terceirização como saída para enxugar processos, diminuir o peso estrutural e ter mais força para brigar em um mercado que muda com tanta rapidez!

Redução de custos

O primeiro sinal claro de que o outsourcing é vantajoso para as empresas é a redução imediata de custos operacionais. Esse ganho pode ser sentido no momento em que a solução é implementada, começando pela mudança de paradigma no aporte tecnológico — sai o investimento em infraestrutura e entra o investimento em serviços. A empresa não precisa mais comprar, atualizar e manter máquinas e equipamentos internos para garantir a produtividade dos funcionários.

A nuvem e o SaaS são as estrelas dessa transformação, pois sua empresa só precisa ter à disposição a estrutura necessária para comportar sua demanda. Em uma ponta, aumenta-se a produtividade com um sistema mais rápido e flexível, enquanto, na outra, permite-se ao diretor da empresa um ajuste financeiro para gastar apenas o que precisa e, assim, garantir mais capital de giro para o futuro.

Garantia de segurança

Por mais que a TI hospedada e tratada internamente pareça mais segura, nenhum sistema é impenetrável — seja a ataques externos ou falhas internas. Nesse caso, o responsável pela empresa com certeza desejaria ter o melhor time possível para lidar com as ameaças, certo? A questão é que, por maior que seja a equipe, ela não será suficiente para lidar com grandes crises e desastres. Não faz sentido criar um grupo capacitado exclusivamente para garantir a segurança dos dados.

A terceirização é a única solução realmente prática para lidar com a questão. Nesse cenário, você gasta menos, gerencia apenas um contrato e ganha a proteção de profissionais especializados para monitorar e proteger seu sistema dia e noite.

Qualidade e disponibilidade

Além da segurança, bons parceiros tecnológicos também oferecem profissionais capacitados para áreas mais práticas, como a implementação de processos automatizados, licenciamento e atualização de softwares, além da manutenção rotineira dos servidores.

Essa preocupação com qualidade pode, além de oferecer uma estrutura mais enxuta, trazer maior desempenho e disponibilidade. Os tempos de computadores lentos e sistemas fora do ar ficam para trás e a equipe pode se preocupar em fazer seu trabalho.

Foco em estratégia

Falando em fazer seu trabalho, a última e maior vantagem do outsourcing da TI é transformar o foco da operação em planejamento estratégico. Uma boa parceria traz para a manutenção do sistema uma equipe ainda mais qualificada de profissionais envolvidos, tirando a preocupação com o sistema no presente e liberando a empresa para pensar no futuro.

O outsourcing não só remove esse peso das costas dos funcionários como, por si só, é uma plataforma de crescimento. Todos esses benefícios podem ser somados em suas próximas decisões estratégicas e o sistema será robusto e flexível o suficiente para acompanhar o mercado.

A terceirização de TI não é apenas uma saída para diminuir a infraestrutura física dentro da empresa. Ela é uma solução completa para gerir e administrar o sistema de forma mais eficiente, reduzindo custos e oferecendo as melhores armas para enfrentar a concorrência. Para conseguir usufruir de todas essas vantagens, basta pesquisar bastante e encontrar a parceria perfeita!

E aí, gostou do post? Quer ficar mais informado ainda sobre as novidades no universo de TI dentro das empresas? Então é fácil: basta curtir a nossa página no Facebook!

 

Sobre o autor

SONDA

A SONDA, maior companhia latino-americana de soluções e serviços de tecnologia, atua em 10 países com mais de 22 mil colaboradores e 5 mil clientes ativos. Em parceria com seus clientes, a SONDA acredita que com o uso de soluções tecnológicas é possível transformar seus negócios, permitindo conquistar eficiência e vantagem competitiva. Entendemos do seu negócio e sabemos fazer acontecer, contando com uma equipe altamente capacitada. Para mais informações, acesse www.sonda.com/br.